Biografia

Joel Cordeiro

  • Nascido em Colombo, em 07/06/1971
  • Três mandatos como vereador em Colombo
  • Bacharel em Administração, com ênfase em Gestão de Negócios
  • Bacharel em Teologia
  • Missão:Trabalhar por uma sociedade justa, onde todo cidadão tenha seus direitos respeitados, podendo oferecer dignidade e qualidade de vida à sua família.
  •  
     
     
     
    Um pouco sobre Minha Vida

    Nasci no dia 07 de junho de 1971 e, como não deu tempo de minha mãe ir até o hospital, nasci em casa mesmo, no bairro atuba, em colombo, local onde moro até o dia de hoje.


    Minha família é composta de seis irmãos (três mulheres e três homens) e meus pais. Porém Deus resolveu levar minha mãe, Dª Terezinha e os dois irmãos Eliezer e José Carlos, e hoje somos eu, meu pai, seu josé e as três irmãs: a Neuzi, a Raquel e a Elizana, meus sobrinhos Vinicius, Vitor , Gustavo, Gabriela e meus cunhados Toninho I, Toninho II e Ricardo.


    Aprendi a trabalhar cedo. Quando ainda era criança, meus pais tinham uma sorveteria e eu gostava de sair para vender os sorvetes.


    Estudei no Grupo Escolar Professor Plínio Alves Monteiro Tourinho, onde fiz o primário, depois no Colégio Antonio Lacerda Braga, onde fiz o ginasial e terminei o segundo grau. Me formei como bacharel em Administração na Universidade Tuiuti do Paraná e também como Bacharel em teologia na Faculdade Evangélica do Paraná (Fepar).


    Na política também comecei cedo, aos 14 anos de idade tinha envolvimento político, onde ajudava nas campanhas de outros candidatos. No colégio Lacerda Braga sempre tive um grande envolvimento na liderança estudantil e também nas eleições para a direção do colégio.


    Antes de fazer meu título de eleitor já sabia que gostava de política.


    Sempre fui de criticar a posição de muitos políticos e a forma como é feita a política em nosso país. Porém chegou a hora em que concluí que criticar somente não adiantava. Então resolvi me candidatar a vereador pela primeira vez nas eleições municipais de 1992. 


    Naquela ocasião eu tinha um objetivo, que era de saber se as pessoas acreditavam em mim. Foi uma grande experiência, pois sendo o candidato mais novo do município, sem dinheiro nenhum (tinha apenas uns 500 santinhos que o candidato a prefeito me deu), não fui eleito, mas fiquei entre os cinco mais votados do partido (onde haviam 45 candidatos). Sendo assim, o objetivo foi alcançado.


    Esperei as eleições de 1996 e novamente saí candidato. Tive votos suficientes para ser eleito, porém, por uma falha grave da Justiça Eleitoral, acabei ficando de fora. Tentamos reverter a situação na justiça. Mas, como o corporativismo no poder judiciário é muito grande, mesmo com todas as provas que tinha para conseguir a recontagem dos votos, acabaram arquivando o processo.


    Nas eleições de 2000 tudo foi diferente. A novidade eram as Urnas Eletrônicas, que coibiram a prática que havia em Colombo de manipularem as eleições com as cédulas de papel. Prática esta em que eu fui vítima na eleição anterior.


    Tudo foi diferente: no dia da convenção do meu partido, tive uma experiência com Deus, quando pela primeira vez Ele falou comigo a respeito do assunto, e me deu a certeza de que me daria a vitória nas eleições daquele ano. Com uma campanha humilde, sem muitos recursos, chegamos ao final da campanha e, na hora da contagem dos votos, foi confirmada a promessa de Deus. 


    Poucos acreditavam que fosse acontecer, mas eu já tinha certeza, pois era promessa de Deus. Cumpri o mandato e todas as dificuldades que enfrentei serviram como base de experiência para a minha carreira. O mandato estava terminando e as eleições de 2004 chegando. Faltando pouco menos de um ano para as eleições, Deus falou comigo novamente, e me mostrou que haviam pessoas tentando me impedir, mas que Ele já estava garantindo a vitória novamente, pois Ele é Deus.

    No dia 28 de dezembro de 2003 desci as águas do batismo na Igreja Evangélica Assembléia de Deus, como demonstração pública de que a direção da minha vida pertence a Deus.


    Chegaram as eleições de 2004. Começa tudo de novo. Eu estava no único partido que não fez coligação no município, e com o menor número de candidatos (quase a metade dos demais partidos). Novamente muitos não acreditavam que poderia acontecer, mas eu tinha certeza que seria eleito, porque mesmo sendo uma campanha muito difícil, era promessa de Deus.


    Na hora da contagem dos votos, ficou claro que foi a eleição mais disputada no município de Colombo, mas eu estava tranqüilo. Então quando saiu a lista de eleitos, lá estava o meu nome. Mais uma vez Deus cumpria a promessa. Passadas as eleições, Deus fala comigo e manda que eu não tema os grandes, e faz grandes promessas na minha vida.


    Na eleição de 2008 novamente Deus me honrou com o terceiro mandato de vereador da cidade de Colombo.
     
    Todos os direitos reservados - Joel Cordeiro
    Site Cia